sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Voando para conquistar você.

Este título é o slogan atual da OceanAir, companhia aérea que disputa mercado com a TAM, Gol, Trip e a novata Azul. Sua estratégia gira no apelo de preços menores e "pontualidade" - item difícil para qualquer empresa de aviação, pois o cenário nacional não mudou muito e a Infraero, bem, minha percepção é de que não funciona como devia.

O caso é que após três viagens seguidas pela Gol e três jornadas de atraso extremamente cansativos, resolvi fazer um test drive, ops, um "fly test" com a OceanAir.

Hhhhmmm, não devia. Na ida para São Paulo até que a coisa funcionou direitinho, mas na volta....Bom, fui parar no assento 20A, lá no fundão da aeronave - ao lado do motor. Moçada: impraticável o barulho da engenhoca, um negócio de ensurdecer qualquer um. Mas o pior não foi isso, foi o calor! Um negócio senegalesco, gente se abanando, bafão geral. Sinceramente, não pode exisitir um serviço assim. O engraçado (trágico) é que a aeromoça me disse, literalmente: "É, aqui no fundo fica quente mesmo". E coloca quente nisso!

Tive que escrever, né? Promessa não cumprida. Reputação aranhada na "hora da verdade" - aquela onde a linha de frente, a aeromoça no caso, fica cara a cara com o cliente e não tem o que dizer, nem o que defender. Lamentável. Não vou mais de OceanAir. Nem de Gol.

Vou de Azul, pois a TAM, apesar de estar num momento de mudança e compromisso forte com qualidade, com show de serviços e simpatia, ainda me dá calafrios ao decolar ou aterrisar em Congonhas. Espero que eu não tenha que ir dirigindo...

Recado final: não é fácil voar para conquistar clientes.

3 comentários:

Mauro Segura disse...

Gaulia. Você acabou de cancelar as minhas pretensões de fazer um vôo pela Ocean Air. Eu ia tentar uma experiência pelos mesmos motivos apresentados por você em seu post. Enfim, obrigado. Abcs. Mauro.

Mauro Segura disse...

Gaulia. Voce acabou de enterrar as minhas pretensoes de experimentar um voozinho pela Ocean Air. Eu ia tentar pelas mesmas razoes apresentadas por voce em seu post. Enfim, obrigado. Abcs. Mauro.

Luiz Antônio Gaulia. disse...

Mauro, olha - eu sempre acredito nas empresas, nas marcas e suas promessas, até prova em contrário.
Infelizmente é o tipo do post que não gosto de escrever, mas convenhamos, foi necessário.Abraço.