sexta-feira, 18 de março de 2011

Protesto de consumidor chinês.


Um protesto de impacto, com certeza. Um capitalista chinês (é os comunistas não são mais os mesmos), proprietário de uma Lamborghini, resolveu destruir o carro em praça pública como forma de chamar atenção da empresa e protestar contra a falta de garantia e qualidade dos serviços. Deu ibope e correu o mundo: foi extamente no Dia Mundial do Consumidor.

Nenhum comentário: