sábado, 27 de maio de 2017

A comunicação interna como ferramenta de gestão.


As facilidades da tecnologia invadiram os espaços empresariais de forma definitiva. Empresas de diferentes segmentos têm utilizado canais eletrônicos e as  redes sociais para divulgar informações, enviar dados e estimular as conversas de forma produtiva entre seus colaboradores, parceiros, fornecedores, bem como clientes, prospects e admiradores. Se as lideranças não abrem mão de criar grupos no WhatssApp para ficarem em contato com suas equipes (mesmo sabendo que esta plataforma não é recomendável para uma comunicação interna preocupada com a segurança de dados, confidencialidade e demais controles de acesso e leitura) as redes internas como Yammer, FB Workplace e Fluig, entre outras,  estão proliferando, independentemente do tamanho da organização.


A comunicação interna amplia suas fronteiras e ganha reforço com plataformas mais amigáveis e de custos de implantação em queda livre. A cada dia surgem novos aplicativos e novas soluções para viabilizar de maneira rápida os processos de trabalho e de diálogo entre os profissionais. O stress do imediatismo e do excesso de informações e estímulos surge como sub-produto dessa revolução digital mas a velocidade não respeita barreiras, pelo contrário, avança. A comunicação como ferramenta de gestão torna-se, no meu entender, cada vez mais comandada pelos algoritmos e muito em breve por robôs.

#comunicacaointerna #comunicacaocomempregados #yammer #redessociais #engajamento #endomarketing #comunicacao #RH #gente #colaboradores #gestores   
   

Nenhum comentário: